lundi, décembre 12, 2011

Papai Noel dos Correios- 2011





O Papai Noel dos Correios é uma das principais campanhas natalinas de inclusão social do País. Realizada há 22 anos, representa o resultado da solidariedade brasileira.

Desde 2010, a Campanha Papai Noel dos Correios foi vinculada a um dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU), denominado “Educação básica de qualidade para todos”. Dessa forma, na maioria dos Estados, além das cartinhas oriundas de crianças da sociedade, são recebidas cartinhas de crianças de escolas, abrigos, creches e núcleos sócio-educativos. Desenvolver a habilidade da redação de carta, de como endereçar, do uso do CEP e do selo postal são ações trabalhadas com as crianças. Mas se informe, pois, em alguns Estados, serão atendidas apenas as cartas remetidas pelas escolas e instituições citadas.

A Campanha


Objetivos
O principal objetivo do Papai Noel dos Correios é responder às crianças que escrevem ao Papai Noel e atender, sempre que possível, aos pedidos de presentes de Natal das que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Em 2010, mais um importante objetivo foi estabelecido: trabalhar com as crianças o poder da comunicação por meio da redação de cartas ao Papai Noel. A meta é contribuir para o desenvolvimento da habilidade da escrita, da redação de carta e do endereçamento correto.

Os Correios também procuram propagar os dons natalinos aos brasileiros e às milhares de crianças que escrevem ao Papai Noel. Por isso, convidamos você para participar da rede de solidariedade do tamanho do Brasil.


Como participar

1-Entre em contato com os Correios do seu Estado (veja os contatos em cada Estado);
2-Escolha as cartas que irá adotar;
3-Entregue os presentes no local e data definidos pelos Correios no seu Estado.
Importante: O presente deve estar acondicionado em embalagem bem resistente e ser entregue na data determinada.

Mais informações:

Site oficial http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2011/
Facebook:http://www.facebook.com/papainoeldoscorreios


mardi, novembre 29, 2011

mercredi, octobre 26, 2011

Mon Chinois

Diaporama des clichés et stéréotypes occidentaux sur les asiatiques en général et les chinois en particulier. (Par Cédric Villain)>>>http://www.cedric-villain.info/defi12/


jeudi, octobre 20, 2011

Kadhafi est mort- presse (vidéos)

(Attention: contenu violent)


Sur BFMTV


Mouammar Kadhafi a été tué ce jeudi dans la région de Syrte, dans l'est du pays, ont annoncé les nouvelles autorités libyennes. "Nous annonçons au monde que Kadhafi est mort aux mains des révolutionnaires", a indiqué le porte-parole officiel du Conseil national de transition.
   

mercredi, octobre 19, 2011

Filme do dia: A Riviera não é aqui (Bienvenue chez les Ch´tis)

Fazia tempo que não falava de um filme por aqui, acho que desde o Festival Varilux...

Na verdade tenho andado meio sem tempo de assistir qualquer coisa, mas como sábado foi meu aniversário, me dei um dia de folga e resolvi assistir "A riviera não é aqui". Nunca tinha ouvido falar desse filme antes, mas ele apareceu casualmente durante uma das minhas aulas de francês e um colega disse que era muito bom. Coincidentemente uns dois dias depois encontrei o dvd, numa dessas liquidações de dvds semi-novos das Americanas/Blockbuster, e comprei.

"A Riviera não é aqui" é um filme muito gostoso de assistir que fala do choque cultural de uma maneira bem leve e muito engraçada. O mais interessante é que, nesse filme, "choque cultural" não quer dizer um choque entre culturas de dois países diferentes, como a gente costuma pensar, mas entre modos de viver dentro de um mesmo país. Aqui no Brasil a gente está careca de saber daqueles clichés que atribuímos aos conterrâneos de outros estados. Os paulistas adoraram dizer que os cariocas são folgados, os cariocas adoram dizer que os paulistas são antipáticos, paulistas e cariocas gostam de chamar os baianos de preguiçosos, os mineiros de "quietinhos" e por aí vai...isso quando o bairrismo fica só na piada, por que de uns tempos pra cá "xenofobia" entre os próprios brasileiros parece que virou modinha... Tipo povo do sudeste dizendo que nordestino é "raça inferior" e tem que ser exterminado, por exemplo ( nem vamos comentar o nível de retardo mental do sub-humano que faz uma afirmação desse tipo).

Pois bem, "A riviera não é aqui" fala justamente disso: como dentro de um mesmo país as pessoas podem simplesmente ignorar (ou menosprezar) culturas e modos de viver diferentes.

dimanche, septembre 25, 2011

Cliché! La France vue de l´étranger.

Quando alguém menciona a França, o que vem à sua cabeça? Camisas listradas? Baguetes? Comida refinada e queijo fedorento? Gente linda, magra, bem vestida e esnobe? Ou gente que não toma banho e se cobre de perfume para disfarçar? 

Novamente os créditos vão para o Prof. Luiz Américo :D

vendredi, septembre 02, 2011

Nicolas canta "Je ne regrette rien"

Le Petit Nicolas! Além de fofo tem bom gosto musical! ;P



Eddie Izzard- Aprendendo francês

(vídeo legendado cortesia de jvictorthegreat )

Eddie Izzard é um dos meus humoristas preferidos, senão o preferido. Em primeiro lugar porque ele consegue fazer graça sem apelar para o politicamente incorreto ou ofensivo. Na verdade ele segue uma linha mais "nonsense", tipo Monthy Piton que eu adoro. Em segundo lugar porque o cara é genuinamente inteligente: além de ser fluente em francês e alemão, ele tem um arsenal de conhecimentos gerais de deixar qualquer um boquiaberto (em especial em história, dêem uma olhada no vídeo história da religiões também no canal do jvictorthegreat). E em terceiro lugar porque ele fica lindo de vestido e maquiagem e faz isso com uma confiança desbundante (e não ele não é gay, o que só deixa o fato de ele usar saia e salto alto com tanta desenvoltura ainda mais divertido).

Nesse vídeo Izzard faz graça com o francês. Fazia um tempão que queria postar esse vídeo por aqui, mas não encontrava versão legendada. Agora graças ao jvictorthegreat   podemos curtir o Eddie com legendas em português^^

mardi, août 23, 2011

Ne me laisse pas l´aimer- Brigitte Bardot

Alguém aí já reparou nesse comercial da cerveja Estela Artois?


Bem graças ao Luís (meu professor de Francês ^^) descobri o nome da música que embala o comercial e o nome da cantora. E qual não é minha surpresa ao saber que se trata da Brigitte Bardot! (sim, a atriz mesmo). A voz não é das melhores, mas eu achei bonitinha a interpretação e a voz combina com a música, que tem aquele clima legal, bem anos 60 (boa para dar uma relaxada no fim do dia ^.~).

Então aí vai a versão completa:

mardi, août 16, 2011

Coleção Folha Cine Europeu





Olha eu aqui fazendo propaganda involuntária da Folha de novo... A coleção Folha Cine Europeu já está nas bancas faz umas duas semanas e definitivamente vale a pena para os fãs de cinema. É uma seleção de 25 filmes europeus, de 25 diretores diferentes. Eu achei a seleção legal, apesar de não ter entendido muito bem algumas escolhas. Acho que a idéia era dar uma visão geral do cinema europeu, e, ao mesmo tempo apresentar obras menos conhecidas de alguns diretores consagrados, então temos filmes muito manjados como "A doce vida" e outros menos populares para o público brasileiro como "Asas do desejo" por exemplo. Também tem um balanço interessante de obras mais antigas (como "Encouraçado Potemkin") com outras mais recentes ("Volver", por exemplo), e um ou outro título curioso como "A dama oculta" dirigido pelo Hitchcock pré-Hollywood. A seleção final parece meio que uma colcha de retalhos, mas acho que isso deixa a coleção bem abrangente e muito apta a agradar gregos e troianos. Ou seja, não interessa muito  qual é o seu estilo preferido de cinema, pelo menos um título da coleção vai cair no seu gosto. Só por isso já vale a pena uma passadinha na banca.

vendredi, juillet 29, 2011

jeudi, juillet 28, 2011

Filme do dia: Medo(s) do Escuro (Peur(s) du Noir

Quem me conhece sabe o quão frequentemente eu reclamo sobre a maneira como o público brasileiro trata a animação. O mito "desenho animado é coisa de criança" persiste na cabeça do brasileiro de maneira irritante e teimosa. É uma idéia burra na qual até pessoas inteligentes parecem acreditar. Isso me irrita ainda mais porque estamos vivendo uma época de extrema pobreza cinematográfica. Já perdi a conta de quantos remakes estão sendo produzidos, quantos scripts estão sendo reutilizados, e quantos argumentos simplisticos e idotas estão sendo adaptados para as telas. Estamos vivendo uma época em que Crepúsculo é considerado literatura, e os filmes baseados nessa obra são considerados cinema. E tem gente que ousa dizer que animação é infantil.

A verdade é que a animação tem uma capacidade para inovação e criatividade que os filmes "normais" parecem ter perdido faz muito tempo. Não estou falando de animações em geradas por computação feitas por grandes estúdios como Pixar ou Dreamworks (que logo se tornarão simplesmente "mais do mesmo", se é que isso já não aconteceu), mas a animação ainda pode ser apreciada em filmes que, mais afastado do circuito comercial, mantém um padrão artístico de qualidade técnica (sim, animação é arte) e, acima de tudo, conseguem atingir níveis de profundidade em termos de narrativa e temas que muitos diretores hollywoodianos não conseguiriam sequer entender.

Esse é o caso de "Medo(s) do Escuro.

samedi, juillet 23, 2011

Mort de la chanteuse Amy Winehouse 23/07/2011

Trgédie à Oslo (vidéos)

Sur BFMTV



Le bilan du nombre de victimes s'alourdit après la double attaque qui a frappé la Norvège. La police a annoncé l'arrestation d'un suspect suite à la fusillade sur une île près d'Oslo. Il serait lié à l'explosion de la bombe près du siège du gouvernement.




La Norvège a été frappée par un attentat à la bombe au centre d'Oslo et peu après, près de la capitale, par une fusillade visant un rassemblement de la jeunesse du parti travailliste au pouvoir qui a tourné au carnage, faisant au moins 87 morts.



Tragédie a Oslo (presse)

Le Monde (23 Juillet, 2011)






jeudi, juillet 14, 2011

Haka! (14 Juillet 2011-Fête Nationale )

Soldados da armada francesa dançam Haka, uma tradicional dança de guerra da polinésia, durante as comemorações do 14 de Julho

mercredi, juin 29, 2011

Curso intensivo de francês com Capitão Nascimento

Sugestão de vídeo da minha amiga Marília.

Merci beaucoup, ma belle!!!!

Rachem de rir com Capitaine Naissance no Cours d´élite.



EN FRANÇAIS, ZÉRO UN!!!!

OUI, MONSIEUR!!!!

mardi, juin 28, 2011

Samedi Tintin SUSPENSO!

Pois é pessoal...

Acabo de receber um e-mail do 4shared dizendo que os livros do Tintin que postei infringem as regras do site com relação à copyright e que algum usuário do 4shared fez uma denúncia, assim minha conta pode ser suspensa. É chato pois além de não estar tirando lucro da distribuição dos livros, são livros em francês que não estão largamente distribuidos no Brasil (por exemplo, o livro que gerou a denúncia foi a versão colorida de "Tintin au pays des soviets", da qual só existem 2000 exemplares, então mesmo que quem quiser comprar o original provavelmente não vai conseguir). Mas enfim, por enquanto o "Samedi Tintin" está suspenso e tudo o que já foi publicado será deletado.

Lamento muito pelo aborrecimento, mas outros materiais continuarão a ser postados.

IMPORTANTE:
Quem quiser ter acesso  à série completa de livros do Tintin em francês(incluindo "Tintin au pays des soviets" na rara versão colorida), e tem um programa de Torrent pode baixar tudo nesse link:

vendredi, juin 24, 2011

Anarriê, alavantú, balancê: matutês de festa junina é, na verdade, francês

Os termos exóticos deixam a quadrilha ainda mais completa. Mas será que o 'matutês' é tão caipira assim?

LEONARDO SOARES - GAZETA ONLINE

É dia de festa na roça. Fogueira posicionada, caipiras arrumados, barraquinhas com quitutes suculentos e bandeirinhas de todas as cores enfeitando o salão. Mas o ponto mais esperado de toda a festa é sempre a quadrilha, embalada por música típica e linguajar próprio. Anarriê, alavantú, balancê de damas e tantos outros termos agitados pelo puxador da quadrilha deixam a festa de São João, comemorada em todo o Brasil nesta quinta (24), ainda mais completa. Mas será que o 'matutês' é tão caipira assim?

Embora os festejos juninos sejam uma herança da colonização portuguesa no Brasil, grande parte das tradições da quadrilha tem origem francesa. E muita gente dança sem saber. "O povo brasileiro passou a conviver com essa realidade e a imitar de maneira irônica a dança que, até então, eles não tinham acesso. O resultado nós conhecemos e se se espalhou pelo Brasil em um tom satírico", explica o presidente da Comissão Espíritossantense de Folclore, Eliomar Carlos Mazoco. 

As influências estrangeiras são muitas nas festas dos três santos do mês de junho (Santo Antônio no dia 13 e São Pedro no dia 29 completam o grupo). O 'changê de damas' nada mais é do que a troca de damas na dança, do francês 'changer'. O 'alavantú', quando os casais se aproximam e se cumprimentam, também é francês, e vem de 'en avant tous'. Assim também acontece com o balancê, que também vem de bailar em francês. 

Filme do dia: Simon Werner desapareceu (Simon Werner a disparu)

De volta com os filmes do Festival Varilux, depois de um pequeno hiato devido à gripe. O próximo filme que assisti no Festival foi "Simon Werner desapareceu". A sessão foi seguida de um debate com Alain Gagnol (o diretor de "Um gato em Paris"), mas eu não assisti o debate, em parte porque o filme me decepcionou um pouco e em parte porque alguém sentado nas proximidades estava usando um perfume horroroso que me deu enxaqueca :P

Como eu disse, "Simon Werner..." me decepcionou um pouco...Não cheguei a odiar, mas... Digamos que talvez minhas expectativas fossem muito altas para um filme que, se não é exatamente ruim, também não chega a empolgar. Quando vi o trailer e li as críticas estava esperando um filme muito mais denso e impactante do que aquele que assisti. "Simon Werner..." é um filme de estréia, escrito e dirigido por Fabrice Gobert. Gobert já tinha dirigido trabalhos para a televisão, mas esse foi seu primeiro longa para o cinema o que, provavelmente desculpa muitas das falhas do filme. Mas se levamos em consideração a pouca experiência do cineasta, "Simon Werner..." abre muitas possibilidades interessantes para seus próximos trabalhos.

"Simon Werner..." é um filme de suspense adolescente. O Simon Werner do título é um jovem estudante de um escola secundária normal que, conforme o título entrega, desaparece. Após o sumiço de Simon, outros alunos da mesma sala começam a desaparecer, e ninguém consegue chegar à uma conclusão sobre o que estaria acontecendo já que, além de estudarem na mesma turma, os jovens não têm quase nada em comum. Enquanto  a polícia investiga (fora de cena, os poiliciais, pais, professores e outros adultos praticamente não aparecem no filme, que foca toda a sua atenção nos adolescentes), os demais alunos começam a levantar hipóteses sobre os desaparecimentos, e seus segredos, problemas pessoais e preconceitos podem levá-los a pensar em possibilidades que nunca imaginaram antes.

lundi, juin 20, 2011

Filme do dia: Um gato em Paris (Une vie de chat)

Foi o segundo filme que eu assisti no festival Varilux. As duas primeiras exibições tiveram um debate com o diretor Alain Gagnol. Também teve uma sessão ao ar livre no leme, com a presença dele, à qual, infelizmente eu não pude ir.

Ao contrário de "Uma doce mentira", o debate de "Um gato em Paris" foi excelente. Tavez porque o público presente estivesse verdadeiramente interessado no filme, e não em tietar gente famosa. Na verdade eu até me arrependi de não ter filmado. Uma coisa que me entristeceu um pouco foi o número pequeno de crianças na audiência. Tenho certeza que se fosse o filme do Justin Bieber, ou algum enlatado americano a sala estaria entupida de pais com seus filhos. Depois o povo reclama que brasileiro não tem cultura e mimimi...Claro, com a criação que a molecada recebe...Mas as crianças que estavam lá me deixaram orgulhosa. Sério, além de se comportarem muito bem, fizeram perguntas superlegais para o diretor. 

Muito da contextualização e informações que estão nesse post se originam desse debate.

"Um gato em Paris" é um filme de animação para crianças que os adultos podem assistir na boa (apesar de eu achar uma babaquice essa idéia de que adulto não pode ver desenho animado, qualquer um que conheça animação sabe que boa parte do que é produzido hoje em dia não só agrada aos adultos como é direcionado para eles. Mas no Brasil ainda se tem essa noção besta de que desenho animado=filme para criança. Culpa da Disney). Na verdade é mais inteligente e bem-resolvido que muito filme para adultos que eu tenho visto ultimamente. O gênero escolhido para a produção já a torna interessante para começo de conversa: "Um gato em Paris" é um filme noir. Isso mesmo, um filme policial estilo noir para crianças. Alain Gagnol, roteirista e diretor do filme, tem uma carreira paralela como escritor de romances "polar" (como os franceses chamam o romance policial ou de suspense). Isso é uma tremenda vantagem para o filme, já que Gagnol, conhecedor do ofício que é, fez uma trama bem amarrada, simples o suficiente para ser atraente para os pequenos, mas ao mesmo tempo complexa o bastante para prender a atenção dos adultos.

Aliás, nem precisava dizer que o roteirista é autor de romances policiais. Basta assistir o filme para ver que os realizadores tem muita intimidade com o estilo. Todas as referências clássicas do gênero noir estão lá: as tomadas urbanas e noturnas, um policial que deseja vingança (no caso uma policial, Jeanne), um vilão megalomanícao brincando de gato e rato com os mocinhos, um herói charmoso, uma "femme fatale" dissimulada... Enfim, "Um gato em Paris" é quase uma homenagem ao gênero.

samedi, juin 18, 2011

Filme do dia:Uma doce mentira (Des vraies mensonges)

Um dos filmes que eu fui assistir no festival Varilux (posts sobre os outros virão logo ;) ) . A estréia foi no dia 10, no cinema  Odeon, no centro do Rio e contou com a presença da Atriz Principal, Audrey Tautou e o produtor, Phillipe Martin, seguido de um debate.

Confesso que fiquei em dúvida se iria, já que a sessão de "Potiche", com a presença de Catherine Deneuve foi no mesmo horário. No fim das contas o debate acabou pesando na minha decisão, já que a sessão de "Potiche" não teria um debate.

Acabei me arrependendo um pouco da decisão. Não por causa do filme, mas pelo debate. E não foi culpa dos convidados, que foram incrivelmente gentis e solícitos.

Para não me alongar muito: muitas perguntas bobas, ou sem-sentido, ou que nada tinham a ver com o filme que, teoricamente, estávamos lá para debater. Philipe Martin foi ignorado por uma boa parte do debate, e a maioria das perguntas foi dirigida à Audrey. Um número constrangedor de gente parecia não ter visto nenhum outro filme da atriz além de "O fabuloso destino de  Amélie Poulain", assim as perguntas variaram entre referências à esse filme e coisas bestas e genéricas como "qual o seu filme favorito?". Quando alguém se lembrou que o produtor estava ali foi para fazer perguntas que nada tinham a ver com a produção. Teve quem perguntou ao produtor se ele "tinha escrito o filme para Audrey" demonstrando de uma tacada só desconhecer a diferença entre o ofício do produtor e do roteirista e não fazer a mínima idéia de como se dá o processo de concepção e aprovação de um roteiro. Meio irritante a quantidade de perguntas que começavam com "eu sou estudante de cinema"...No mesmo clima "quero mostrar como eu sou cool" muita gente fazendo (ou tentando fazer) suas perguntas em francês... Por fim, o que mais me irritou foi que pouquíssimas intervenções do público tiveram alguma coisa a ver com o filme que era para ter sido tema do debate...

Como se diz "vergonha alheia" em francês? Enfim, sai no meio do debate, quando alguém teve a brilhante idéia de pedir a palavra para perguntar se a Audrey Tautou ia dar autógrafos. Para quem não conhece o Odeon, a sala do cinema tem cerca de 600 lugares e, naquela noite em particular, estava cheia ....E a pessoa resolve pedir uma distribuição de autógrafos que não tinha sido programada...

Enfim para que quiser ver o debate vários videos foram postados no Youtube (até porque parecia que todo mundo tinha um celular ou câmera na mão).

Maaaaaaas, a noite não foi um desastre completo graças ao filme!


"Uma doce mentira" não chega a ser um obra-prima cinematográfica, mas é um filme extremamente gostoso de assistir. Típico filme para ver quando a gente está precisando de um pouco de alegria nessa vida.

samedi, juin 04, 2011

Festival Varilux de Cinema Francês - 2011








ABERTURAS EM SÃO PAULO (dia 8) E NO RIO (dia 9) VÃO CONTAR COM AS PRESENÇAS DAS DIVAS FRANCESAS CATHERINE DENEUVE, AUDREY TAUTOU E SANDRINE BONNAIRE

Grandes nomes da cinematografia francesa; exibição de 10 filmes inéditos em 22 cidades; uma mostra em homenagem à atriz Sandrine Bonnaire com oito longas-metragens graças ao Institut Français; exibição de dois filmes ao ar livre e encontro profissional para discutir a distribuição cinematográfica entre o Brasil e a França: essa é a programação do Festival Varilux de Cinema Francês que acontece a partir de 8 de junho em 22 cidades brasileiras. O evento será simultâneo no Rio de Janeiro, São Paulo, Belém, Brasília, Campos, Campinas, Curitiba, Florianópolis, Goiânia, João Pessoa, Juiz de Fora, Macaé, Maceió, Natal, Porto Alegre, São Luís, Santos, Salvador, Recife e Vitória. Em Fortaleza, o festival acontece no período de 16 a 23, e em Belo Horizonte, entre 24 e 30 de junho.
Festival Varilux de Cinema Francês é realizado pela Unifrance Film International, associação de promoção do cinema francês no mundo que realiza mostras em grandes capitais como Nova York, Tókio, Moscou, Pequim e também no Brasil. O festival é promovido e patrocinado pela multinacional francesa Essilor-Varilux* (fabricante exclusivo das lentes Varilux e do anti-reflexo Crizal).
O evento conta também com o patrocinio da Citroën e o copatrocinio da Allianz SegurosL’OréalTok&Stok e Sofitel. É produzido pelaBonfilm com apoio da Embaixada da França no Brasil e da rede de Alianças Francesas.  Durante o Festival, as exibições dos filmes no país tudo serão realizadas pela Auwe Digital.
Além de exibição de filmes em todas as cidades, o festival promove um encontro entre profissionais da área cinematográfica no Rio de Janeiro. A delegação francesa e os profissionais brasileiros debatem o mercado no encontro “Cinema digital e diversidade cultural: Desafios e oportunidades para as indústrias brasileira e francesa” no dia 10 de junho no Hotel Sofitel, em Copacabana, no Rio. Entre os temas discutidos estão: a difusão comercial em sala; as novas janelas de difusão dos filmes (internet, celulares); a distribuição dos filmes não americanos nas televisões e as ações inovadoras de promoção do cinema.  As presenças já confirmadas são da Diretora geral da Unifrance Film, Régine Hatchondo, representantes do CNC (Centre Nacional Du Cinéma) e Gregoire Lassale, presidente do maior site sobre cinema da França : Allo Cine (www.allocine.fr/).
No sábado, dia 11, também no Rio, o Festival exibe ao ar livre (no Forte do Leme) a animação francesa UM GATO EM PARIS - que também integra a mostra regular - e o clássico ORFEU NEGRO filme franco-brasileiro dirigido por Marcel Camus, vencedor da Palma de Ouro em Cannes, em 1959 e do Oscar e do Globo de Ouro de 1960 (melhor filme estrangeiro).
A programação completa do Festival Varilux de Cinema Francês está no site www.festivalcinefrances.com.

dimanche, mai 29, 2011

"La piel que habito": Inspirações francesas de Almodóvar

Talvez a galera que acompanha este blog já tenha ouvido falar do novo filme de Pedro Almodóvar "La piel que habito", ou pelo menos já viu seu (esquisitíssimo) trailer:



Ninguém sabe muita coisa ainda sobre esse filme, já que ele não ainda estreiou no circuito mundial, mas a pré- estréia em Cannes causou furor. Muitos críticos ficaram tão ofendidos que abandonaram a sessão. Em geral esse críticos que saem da sessão durante o festival de Cannes são os (sempre puritanos) americanos, infalíveis no quesito "dar piti por besteira", mas dessa vez Almodóvas conseguiu ofender até os (as vezes demasiadamente) liberais críticos franceses.

Desde então muita gente especula o que teria de tão chocante nesse filme. As críticas do filme não estão dando detalhes, até porque ninguém que estragar a surpresa (e uma grande parte do que faz a graça do filme está na direção inesperada que o roteiro toma), mas as versões que mais circulam por aí são:


1-Antonio Banderas interpreta Robert Ledgard, um cirurgião plástico cuja mulher fica gravemente queimada num acidente de carro (algumas versões dizem que ela morre em decorrência das queimaduras). Assim, ele decide criar uma inovadora pele artificial, mais resistente que a pele humana. E para isso usa uma jovem como cobaia.(A moça em questão seria a mulher do trailer doido aí em cima)

2-Antonio Banderas interpreta Robert Ledgard, um cirurgião plástico cuja filha é brutalmente estuprada. Algumas versões dizem que a filha se suicida após o ataque, outras que ela fica tão traumatizada que tem que ser internada numa clínica psiquiátrica. Assim, ele decide encontrar o estuprador e se vingar.(Essa versão faz o trailer doido aí em cima parecer mais doido ainda)

Qual versão é a correta? Bem, é claro que eu não vou dizer, mas posso adiantar que, levando em conta o livro no qual o filme se inspirou, nenhuma das duas parece estar exatamente errada....

Agora chegamos nas inspirações francesas da qual falamos no título. "La piel que habito" é inspirado no romance "Mygale" do francês Thierry Jonquet. Quem leu o livro (que ainda não foi lançado no Brasil) provavelmente deve ter uma idéia do que está no filme do Almodóvar (considerando que o diretor deve ter feito mudanças na história original), então, exclusivamente para os leitores do meu blog (estou metida hoje, não?) aqui vão alguns elementos do livro para vocês tentarem adivinhar o que esperar do filme.

samedi, mai 28, 2011

Marc Lavoine: Rue des Acacias




Rue des Acacias


Elle n'était pas ma voisine, elle vivait dans les collines
Là-haut, rue des Aubépines.
Je n'étais pas fier-à-bras et chez nous, il faisait froid
En bas, rue des Acacias.

On se croisait de temps en temps alors, on marchait dans les champs
Au milieu des fleurs du printemps qui chassent au loin tous les tourments
Je l'aimais tant, je l'aimais tant, je l'aimais tant.

vendredi, mai 20, 2011

Tiji "Couleurs"

Le monde existait d'abord en noir et blanc.
Et ensuite il a été mis en couleurs.
Forêts, rivières, animaux, fleurs, tout y est passé.
Enfin presque...


Comercial Havaianas- "Lune de miel"

dimanche, mai 01, 2011

Le premier mai, fête du travail et fête du muguet




Si le premier mai est un jour férié en France, c'est officiellement pour fêter le travail. Le premier mai est également le jour du muguet, sans qu'il y ait de lien direct entre la fête des clochettes printanières et la journée des revendications ouvrières. Voici l'histoire du premier mai, ses traditions et ses origines.

La fête du muguet

Une fête de l'amour

On dit que la tradition de s'offrir du muguet remonterait à la Renaissance, époque où Charles IX aurait lancé cette mode après en avoir reçu un brin lors d'un premier mai... Ce qui est certain, c'est qu'au XVème siècle, le premier mai était une fête de l'amour, durant laquelle les princes et les seigneurs se rendaient en forêt pour couper des rameaux qui servaient ensuite à décorer les habitations. Ils fabriquaient également des couronnes de feuillages et de fleurs pour les porter et les offrir à la personne aimée. Une survivance de ces coutumes perdure encore dans de nombreuses régions : l'arbre de mai. Il s'agit d'un arbre coupé que l'on dépose devant une maison dans la nuit du 30 avril au 1er mai. Selon les régions, cet arbre sera offert à l'élu local pour l'honorer, ou aux jeunes filles célibataires, comme dans l'est de la France. Le fait de déposer l'arbre devant la maison des jeunes filles est l'occasion d'un certain chahut pour les jeunes gens qui y participent !

Le Mariage Royal

Le Parisien- Samedi, 30 Avril


mardi, avril 19, 2011

Conjugaison progressive du Français (+corrigés)

Post especial para os colegas da aula de francês! A prova está chegando, e tem que estudar muito verbo, hein meu povo!...aff!

Os corrigés estão no mesmo pdf do livro.


mardi, avril 12, 2011

Amel Bent- "Ma Philosophie"



 Ma Philosophie

Je n'ai qu'une philosophie
Être acceptée comme je suis
Malgré tout ce qu'on me dit
Je reste le poing levé
Pour le meilleur comme le pire
Je suis métisse mais pas martyre
J'avance le coeur léger
Mais toujours le poing levé

Lever la tête, bomber le torse
Sans cesse redoubler d'efforts
La vie ne m'en laisse pas le choix
Je suis l'as qui bat le roi
Malgré nos peines, nos différences
Et toutes ces injures incessantes
Moi je lèverai le poing
Encore plus haut, encore plus loin

vendredi, avril 08, 2011

France la visite- filme completo!!!

Acabo de postar no meu canal youtube  o documentário "France, la visite". É um filme muito legal para quem está aprendendo Francês ou quer aprender mais sobre a França. O documentário inclui informações sobre arte, cultura, patrimônio cultural e tem imagens lindissimas e música idem. 

Infelizmente até agora não foi lançado no mercado brasileiro, e só está disponível na versão original em francês com opção de dublagem em inglês. 


Informações:


Um filme de Mark Daniels
Texto em francês por Marc Bessou
Música original por Christophe Henrotte

Uma co-produção Réunion des Musées Nationaux e Montparnasse Productions

Co-edição: Editions Montparnasse e Réunion des Musées Nationaux

Copyright © 2000 Editions Montparnasse. Todos os direitos reservados.


Para maiores informações acesse:
http://www.france-la-visite.com




vendredi, avril 01, 2011

Les Aventures de Tintin-Pequeno Guia (Megapost)

EDIT: Um super merci ao Britto do Tintin por Tintim pelas correções com relação aos filmes.

Como meu post sobre o Astérix acabou se tornando um dos mais populares do blog, eu decidi fazer outro parecido, mas dessa vez sobre o Tintim, um dos meus heróis  preferidos durante a infância. 

Então aí vai mais um "pequeno guia" com tudo o que você precisa saber para começar a entrar no mundo de Tintim!

As Aventuras de Tintim

As Aventuras de Tintim ( Les aventures de Tintin) é o título de uma série de histórias em quadrinhos criada pelo autor belga Georges Prosper Remi, mais conhecido como Hergé, que começou a ser publicada em 1929, no Le Petit Vingtième, um suplemento do jornal Le Vingtième Siècle destinado ao público infantil. O herói da série é o personagem Tintim, um jovem repórter e aventureiro belga. Ele é auxiliado em suas aventuras desde o início por seu fiel cão Milu (Milou). Mais tarde, o elenco foi expandido com a adição do Capitão Haddock, entre outros personagens.

A série  era publicada em semanalmente e, ao término de cada história, os quadrinhos eram reunidos em livros (23 no total, em 2008). Acabou ganhando uma revista própria, de grande tiragem (Le Journal de Tintin) e foi adaptada para versões animadas, para o teatro e também para o cinema. A série foi traduzida para mais de 50 línguas e tem mais de 200 milhões de cópias vendidas.

jeudi, mars 31, 2011

Thomas Henriot no Rio





Quand je vois tes yeux...- Dany Brillant



Quand Je Vois Tes Yeux

{Refrain:}
Quand je vois tes yeux je suis amoureux
quand j'entends ta voix je suis fou de joie
quand je vois tes yeux je suis amoureux
quand j'entends ta voix je suis fou de toi

Mais tu as tant de charme et c'est là mon drame
car je suis sans arme lorsque tu es là
je voudrais t'le dire je voudrais l'écrire
mais je n'ose pas te parler de ça

vendredi, mars 25, 2011

La Nouvelle Orléans au fil de l'eau






La Nouvelle Orléans depuis sa fondation par les français en 1718 jusqu'à son déclin au vingtième siècle en passant par sa cession aux Etats-Unis en 1803 : l'histoire d'un site stratégique, débouché des grandes plaines et port des Antilles. Mais abandonné aujourd'hui...
Commentaire  et réalisation : Jakob Schlüpmann - © 2005
Mon channel sur youtube: http://www.youtube.com/user/Ladymacbeth1755





Nova Orleans desde sua fundação pelos franceses em 1718, até seu declínio no século XX, passando pela cessão aos Estados Unidos em 1803: a história de um local estratégico entre as grandes planícies e porto da Antilhas. Mas abandonado atualmente.
Comentário e realização : Jakob Schlüpmann - © 2005
Meu canal no youtube:http://www.youtube.com/user/Ladymacbeth1755





"À mesa com Monet"- Claire Joyes

"À mesa com Monet"
2ª ed. pela editora Sextante
Aqui está a mais nova aquisição da minha biblioteca, que eu não canso de mostrar para todo mundo!

"À mesa com Monet" , editado pela Sextante, é muito mais que um livro de culinária. A autora , Claire Joyes, faz um estudo histórico-gastronômico, o que é uma verdadeira raridade no mercado editorial brasileiro. "À mesa com Monet" fala da vida do pintor na famosa casa de Giverny, com enfoque na vida em família e nos hábitos culinários. É uma coleção de fotos maravilhosas do jardim e da casa (em especial da cozinha e da sala de jantar, de longe os dois cômodos mais famosos) e de histórias, curiosidades e dados biográficos. Para os interessados em história, Joyes também oferece um interessante panorama dos hábitos familiares e das práticas sociais da burguesia francesa do fim do século XIX.

mardi, mars 22, 2011

"Conversas do Nosso Tempo": O Papel dos Intelectuais na Vida Política- Resumo (Megapost)

Ontem fui à primeira palestra de Michel Winock, ministrada na Aliança Francesa de Botafogo. Queria ter gravado, mas além de não saber se era permitido fazer isso, eu não tinha um gravador disponível, então deixei para lá. Mas tomei muitas notas e o que segue é um resumo geral do que foi dito, feito a partir dessas notas.

Antes de mais nada, quem é Michel Winock?

Winock é um historiador francês especializado na história da República Francesa, movimentos intelectuais, anti-semitismo, nacionalismo e movimentos de extrema direita na França. Ele é professeur des universités em História Contemporânea no Institut d´Études Politiques de Paris (Sciences-Po), e um dos editores da revista L´Histoire (http://www.histoire.presse.fr/). Ele também já foi repórter do Le Monde. É autor do livro "Siècle de Intellectuels" ("O Século do Intelectuais", publicado no Brasil pela Bertrand) e "Voix de la Liberté" ("As Vozes da Liberdade", também publicado pela Bertrand).

O Papel dos Intelectuais na Vida Política- Resumo

Na palestra intitulada "O Papel dos Intelectuais na Vida Política", parte do projeto "Conversas do Nosso Tempo", Winnock faz um resumo do papel dos intelectuais na política Francesa desde o Caso Dreyfus até os dias de Hoje. 

dimanche, mars 20, 2011

Aliança Francesa lança LINHA FRANÇA-BRASIL by Gilson Martins em apoio à ONG SFB

A linha, de bolsas, camisetas e outros acessórios criados pelo designer Gilson Martins, simboliza e celebra a amizade e a proximidade cultural dos dois países e terá seu resultado revertido para a obra social da ONG Solidariedade França-Brasil, que investe na educação de crianças e adolescentes da Baixada Fluminense.

Ela está disponível a todos, exclusivamente nas filiais da Aliança Francesa.

Mais informações na secretaria de qualquer Filial.




Libye:Coalition contre Khadaffi



Le Parisien, samedi, 19 Mars



Nucléaire: une catastrophe de trop

Publié sur Courrier International n.º 1063, du 17 mars au 23 mars, 2011



mardi, mars 15, 2011

Filme do dia:La passion de Jeanne d´Arc (filme completo)

(Video postado no youtube pelo usuário earlycinema, vale a pena dar uma olhada no canal, tem vários filmes antigos, alguns bem difíceis de encontrar. Recomendado para qualquer cinéfilo!)

La Passion de Jeanne d´Arc(1928)

"La Passion de Jeanne d'Arc" é um filme mudo francês de 1928. É baseado nos registros do julgamento de Joana d´Arc. Dirigido por Carl Theodor Dreyer e estrelando Renée Jeanne Falconetti. É visto como um dos grandes momentos do cinema, em especial pela produção, direção e pela atuação de Falconetti, descrita como uma das melhores da história do cinema.

O filme resume o período em que Joana d´Arc ficou presa na Inglaterra e mostra seu julgamento, prisão, tortura e execução.




Ficha


Direção: Carl Theodor Dreyer 
Roteiro: Carl Theodor Dreyer, Joseph Delteil
Elenco: Renée Jeanne Falconetti, Eugene Silvain, André Berley, Maurice Schutz
Filmografia:  Rudolph Maté




vendredi, mars 11, 2011

Séisme et tsunami au Japon

(via BFMT )




Un très violent séisme d'une magnitude de 8,9 s'est produit ce vendredi au large des côtes nord-est du Japon, faisant violemment tanguer les immeubles de Tokyo et déclenchant une alerte contre un risque de tsunami jusqu'à six mètres de haut.





Le tsunami, haut de 10 mètres, a tout dévasté sur son passage. Déclenché par un très puissant séisme survenu au large des côtes japonaises, il a frappé le nord du pays. Plusieurs autres vagues ont été signalées un peu plus tard.




jeudi, mars 10, 2011

Zaz- Zaz (2010)

Raramente eu coloco links para baixar cd completo, assim como raramente coloco um cd completo no meu mp3, mas essa é uma honrosa exceção!

Zaz, ou Isabelle Geoffroy, é uma cantora francesa que lançou seu primeiro cd no ano passado e já é um sucesso, em especial o single "Je veux". Música pop de qualidade, misturando jazz, soul e chanson française.

Só para dar uma idéia, aqui vai um pequeno aperitivo:

Je Veux


Donnez moi une suite au Ritz, je n'en veux pas !
Des bijoux de chez CHANEL, je n'en veux pas !
Donnez moi une limousine, j'en ferais quoi ? papalapapapala
Offrez moi du personnel, j'en ferais quoi ?
Un manoir a Neuchâtel, ce n'est pas pour moi.
Offrez moi la Tour Eiffel, j'en ferais quoi ? fafalafafala

Refrain:
Je Veux d'l'amour, d'la joie, de la bonne humeur,
ce n'est pas votre argent qui f'ra mon bonheur,
moi j'veux crever la main sur le cœur fafalafafala allons ensemble,
découvrir ma liberté, oubliez donc tous vos clichés,
bienvenue dans ma réalité.

Shy´m- Victoire

Beyoncé? Beyoncé quem?! hehehe








Victoire


On vit tous à la recherche de gloire
C'est la ruée vers l'or, échapper au quotidien
Sans réaliser que les portes de l'espoir sont au creux de nos mains
Lève toi et prie pour
tes plus beaux jours
Peu importe qui tu es ou non
Lève ta main et crie victoire.


Personne ne pourra me dire,
Qu'on vit de rêve et d'ambitions.
Les jeunes ont perdu le sourire,
Le désespoir tue l'inspiration.
faut pas se laisser aller la vie est trop courte,
Jamais abandonner,faut garder sa route.

mardi, mars 08, 2011

Le masque est roi au carnaval de Venise

http://fr.euronews.net/


Le Mardi Gras/Carnaval autour du monde



Mardi gras est une période festive chrétienne qui marque, en apothéose, la fin de la « semaine des sept jours gras » autrefois appelés jours charnels. Cette période pendant laquelle on festoyait précède le mercredi des Cendres marquant le début du Carême. De nombreux carnavals ont lieu le Mardi gras.


Carnaval de Cologne, Alemagne



Cinemark apresenta "Carmen em 3D"

Lembram desse post? http://chacunsachimere.blogspot.com/2011/02/carmen-georges-bizet-megapost.html

Par quem ficou interessado por "Carmen", isso aqui vai ser bem interessante:


Journée Internationale des Femmes.


Officialisée par les Nations Unies en 1977, la Journée Internationale des Femmes trouve son origine dans les luttes des ouvrières et suffragettes du début du XXe siècle, pour de meilleures conditions de travail et le droit de vote.
C’est une journée de manifestations à travers le monde : l’occasion de faire un bilan sur la situation des femmes. Traditionnellement les groupes et associations de militantes préparent des manifestations, pour fêter les victoires et les acquis, faire entendre leurs revendications, afin d’améliorer la situation des femmes.
La Journée internationale des femmes reste aujourd’hui d’une brûlante actualité. Car tant que l’égalité entre les hommes et les femmes ne sera pas atteinte, nous aurons besoin de la célébrer.
Pour savoir en plus:  http://8mars-online.fr